Gestão do Conhecimento em Organizações Orientadas para Projetos

Ana Carolina Messias Shinoda, Antonio Cesar Amaru Maximiano, Roberto Sbragia

Resumo


Este trabalho apresenta um estudo que identificou os conhecimentos relevantes sobre o processo de gestão de projetos, os fatores que influenciam esse processo e as práticas de gestão do conhecimento (GC) em três organizações brasileiras. O estudo concluiu que a GC é impactada positivamente mais pelo contexto do que pelas práticas; além disso, parece não haver melhores práticas de GC de forma genérica. Há melhores práticas para cada contexto organizacional. Espera-se que este estudo adicione conhecimentos ao campo de Gestão do Conhecimento em Projetos (PKM – Project Knowledge Management) e indique direções para estudos futuros sobre esse tema.

Palavras-chave


Gestão do Conhecimento; Gestão de Projetos; Organizações Orientadas para Projetos.

Texto completo:

PDF

Referências


Alvesson, M. Knowledge Work and Knowledge-Intensive Firms. Nova York: Oxford University Press, 2004.

Anselmo, J. L. Gerenciamento de projetos em negócios baseados em projetos: uma proposta integrada das dimensões operacional, organizacional e estratégica. São Paulo, 2009. Tese (Doutorado) – Programa de Pós-Graduação em Administração de Empresas, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo, 2009.

Bardin, L. Análise de Conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2008.

Chiri, K.; Klobas, J. Knowledge Sharing and Organizational Enabling Conditions. Proceedings of 11th European Conference of Knowledge Management, 2010.

Dauchy

Dunford, R. Key challenges in the search for the effective management of knowledge in management consulting firms. Journal of Knowledge Management, vol. 4, no. 4, p. 295-302, 2000.

Fleury, A. C. C.; Fleury, M. T. L. Estratégias empresariais e a formação de competências. 3. ed. São Paulo, Atlas, 2004.

Gil, A. C. Estudo de Caso. São Paulo: Atlas, 2009.

Grant, R. M. Toward a knowledge-based theory of the firm. Strategic Management Journal, vol.17, Winter Special Edition, p. 109-122, 1996.

Hanisch, B. et al. Knowledge Management in project environments. Journal of Knowledge Management, vol. 13, no. 4, p. 148-160, 2009.

Hansen, M. T. et al. What’s your strategy for managing knowledge? Harvard Business Review, vol.77, no.2, p.106-116, march-april, 1999.

Hausknecht, J. P. et al. Targeted Employee Retention: performance-based and job-related differences in reported reasons for staying. Human Resource Management, vol. 48, no. 2, p. 269-288, March-April, 2009.

Herriot; R. E. Firestone, W. A. Multisite Qualitative policy research: Optimizing description and generalizability. Educational Resarcher, vol. 12, p. 14-19, 1983 apud YIN, R. K. Estudo de Caso: Planejamento e Métodos. 4. ed. Porto Alegre: Bookman, 2010.

Joia, L. A.; Lemos, B. Relevant factors for tacit knowledge transfer within organizations. Journal of Knowledge Management, vol. 14, no. 3, p. 410-427, 2010.

Koskinen, K. U.; Pihlanto, P. Knowledge Management in Project-Based Companies: an Organic Perspective. Hampshire: Palgrave Macmillan, 2008.

Kotnour, T. Organizational learning practices in the project management environment. International Journal of Quality and Reliability Management, vol. 17, nos. 4/5, p. 393-406, 2000.

Lício, F. G. A gestão do conhecimento em uma empresa vendedora de conhecimento: o caso PricewaterhouseCoopers Brasil. São Paulo, 2005. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação em Administração de Empresas, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo, 2005.

Love, P. E. et al. Management of Knowledge in Project Environments. Oxford: Elsevier, 2005.

Marbot,

Marconi, M. A.; Lakatos, E. M. Fundamentos de metodologia científica. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

Martins, G. A.; Theófilo, C. R.. Metodologia da Investigação Científica para Ciências Sociais Aplicadas. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

Nakano, D. N.; Fleury, A. C. C. Conhecimento organizacional: uma revisão conceitual de modelos e quadros de referência. Revista Produto & Produção. Porto Alegre, vol. 8, nº 2, p. 11-23, junho, 2005.

Nonaka, I.; Takeuchi, H. Criação de conhecimento na empresa: como as empresas japonesas geram a dinâmica da inovação. 2.ed. Rio de Janeiro: Campus, 1997.

Olivera, F. Memory systems in organizations: an empirical investigation of mechanisms for knowledge collection, storage and access. Journal of Management Studies, vol.37, no.6, p. 811-832, september, 2000.

Pasternack, B. A.; Viscio. The Centerless Corporation: a new model for transforming your organization for growth and prosperity. New York: Simon & Shuster, 1998 apud Dunford, R. Key challenges in the search for the effective management of knowledge in management consulting firms. Journal of Knowledge Management, vol. 4, no. 4, p. 295-302, 2000.

Pinto, J. K. Forewords. In: Love, P. E. et al. Management of Knowledge in Project Environments. Oxford: Elsevier, 2005.

PMI. Project Management Institute. Um guia do conhecimento em gerenciamento de projeto (Guia PMBok). 4.ed. Versão online disponível aos membros do PMI. Pensilvânia, 2008.

Prencipe, A. et al, F. Making sense of learning landscapes in project-based organizations. In: Love, P. et al (Org). Management of Knowledge in Project Environments. Oxford: Elsevier, 2005.

PROGEP-FIA. Pesquisa Delphi RH 2010. São Paulo: 2011.

Sabbag, P. Y. Gerir projetos requer gerir conhecimentos. Revista Mundo PM. Ano 5, nº 27, jun/jul, 2009.

Sampieri, H. et al. Metodologia de Pesquisa. São Paulo: McGraw-Hill, 2006.

Schindler, M. Wissensmanagement in der Projektabwicklung. Josef Eul Verlag GmbH, Lohmar-Köln, 3. ed., 2002 apud HANISCH, B. et al. Knowledge Management in project environments. Journal of Knowledge Management, vol. 13, no. 4, p. 148-160, 2009.

Schindler, M.; Eppler, M. J. Harvesting project knowledge: a review of project learning methods and success factors. International Journal of Project Management, vol. 21, 2003.

Takeuchi, H.; Nonaka, I. Gestão do Conhecimento. Porto Alegre: Bookman, 2008.

Taminiau, Y. et al. Innovation in management consulting firms through informal knowledge sharing. Journal of Knowledge Management, vol. 13, no.1, p. 42-55, 2009.

Turner, J. R. Forewords. In: Love, P. E. D. Fong, P. S. W.; IRANI, Z. Management of Knowledge in Project Environments. Oxford: Elsevier, 2005.

Von Krogh, G. et al. Facilitando a criação de conhecimento: reinventando a empresa com poder da inovação contínua. Rio de Janeiro: Campus, 2001.

Walsh, J. P.; Ungson, G. R. Organizational memory. The Academy of Management Review, vol.16, no. 1, p. 57 – 91, 1991.

Yin, R. K. Estudo de Caso: Planejamento e Métodos. 4. ed. Porto Alegre: Bookman, 2010.




DOI: http://dx.doi.org/10.5585/10.5585

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista de Gestão e Projetos e-ISSN: 2236-0972
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional