O Gerenciamento de Projetos em um Tribunal de Justiça: Análise dos Prazos dos Projetos Estratégicos 2010-2014

Renata Silveira Meneses, Leonel Gois Lima Oliveira, Terezinha de Jesus Mendes Vasconcelos

Resumo


O presente artigo analisa a execução dos projetos estratégicos de um Tribunal de Justiça desenvolvidos na vigência do Plano Estratégico 2010-2014 e acompanhados pelo Escritório Corporativo de Projetos da instituição, a fim de identificar como os projetos atrasam e quais os motivos mais recorrentes. Pretende-se identificar as principais causas pelas quais os projetos estratégicos da instituição atrasam, bem como os pontos mais sensíveis na dinâmica da prática de gerenciamento de projetos da Organização. Analisaram-se 773 Relatórios de Acompanhamento de Projetos (RAPs) que foram produzidos mensalmente pelos respectivos gerentes ao longo da execução dos 66 projetos contidos no citado Plano Estratégico. O estudo é subsidiado por uma pesquisa bibliográfica embasada prioritariamente no Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK) e além de outros autores de gerenciamento de projetos em Organizações Públicas. Para a análise dos dados, foram observadas as relações entre cumprimento de prazos, quantidades e progressos dos projetos, unidades envolvidas e motivos dos atrasos constantes nos Relatórios de Acompanhamento. Observou-se que 90% dos projetos apresentaram atrasos, envolvendo 12 unidades funcionais que desenvolveram projetos estratégicos. Sobre os motivos de desvios, os problemas relacionados ao gerenciamento das aquisições, do escopo e das partes interessadas foram os mais recorrentes.


Palavras-chave


Gerenciamento de Projetos; Setor Público; Tribunal de Justiça; Atrasos na Execução de Projetos.

Texto completo:

PDF

Referências


Barcaui, A. B. (2004). O Desafio do Sucesso em Projetos de Tecnologia da Informação. Universidade Federal do Rio de Janeiro - Programa de Engenharia de Produção. Recuperado em 11 de dezembro, 2015, de http://www.bbbrothers.com.br/files/pdfs/artigos/sucesso_proj_ti.pdf.

Cavalieri, A., & Dinsmore, P. C. (2007) Como se Tornar um Profissional em Gerenciamento de Projetos: Livro-Base de “Preparação para Certificação PMP – Project Management Professional”. 2. Rio de Janeiro: Qualitymark.

ENAP, Escola Nacional de Administração Pública (2014). Gerenciamento de Projeto: Teoria e Prática. Brasília: ENAP.

Engelbreth, E. (2009). Lições Aprendidas - Valiosas Informações, 2009. Blog. Recuperado em 12 de dezembro de 2014, de http://www.youwilldobetter.com/2009/02/licoes-aprendidas-valiosas-informacoes/

Farnham, D., & Horton, S. (1992). Managing the new public services. London: Macmillan.

Kerzner, H. (2011). Gerenciamento de projetos: uma abordagem sistêmica para planejamento, programação e controle. São Paulo: Blucher.

Nogueira, J. M. M. (2011). A ausência do Poder Judiciário enquanto objeto de estudo da Administração Pública brasileira. Revista Eletrônica Dike, 1 (1), 1-17.

PMI, Project Management Institute. (2013). Um Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK). Atlanta: PMI, 2013.

Pontes, D. S., Oliveira, L. G., & Vasconcelos, T. J. M. (2015). Os Condicionantes de desempenho dos Projetos Estratégicos de um Tribunal de Justiça. Revista de Gestão e Projetos – GeP, 6 (1), 14-27.

Prado, D. (2015). Maturidade em gerenciamento de projetos. 3. Nova Lima: Falconi Editora.

Rio de Janeiro. Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão. Subsecretaria de Planejamento – SUBPL (2011). Manual de Elaboração do Plano Plurianual 2012 – 2015. Rio de Janeiro, 2011. Recuperado em 18 maio, 2016, de: http://download.rj.gov.br/documentos/10112/780695/DLFE-46913.pdf/ManualdeElaboracaoPPA20122015.pdf

Silva, E. C., & Gil, A. C. (2013). Inovação e gestão de projetos: os “fins” justificam os “meios”. Revista de Gestão e Projetos - GeP, 4 (1), 138-164.

Silvestre, A. R. M. (2016). Gerenciamento de projetos: uma análise das lições aprendidas dos projetos de um Tribunal de Justiça. Monografia (Graduação em Administração). Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, Ceará, Brasil.

Valeriano, D. L. (1998). Gerência em Projetos: Pesquisa, Desenvolvimento e Engenharia. São Paulo: Makron Books.

Vargas, R. (2009). Gerenciamento de Projetos: Estabelecendo Diferenciais Competitivos. 7ed. Rio de Janeiro: Brasport.

Xavier, C. M. S., Vivacqua F. R., Macedo O. S., & Xavier L. F. S. (2005). Metodologia de Gerenciamento de Projetos. Methodware. Rio de Janeiro.




DOI: http://dx.doi.org/10.5585/10.5585

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista de Gestão e Projetos e-ISSN: 2236-0972
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional