A Influência das Características do Gestor no Sucesso da Gestão de Projetos

Greice De Bem Noro, Barbara Bronzatti

Resumo


O gerenciamento de projetos tem se destacado entre os atuais modelos de administração e tem se transformado em um fator para criar vantagem competitiva nas empresas em relação aos seus concorrentes. Entretanto, apesar da grande abordagem em torno do gerenciamento de projetos em si, pouco se explora os gerentes que trabalham com esse tipo de gestão e as suas influências na determinação do sucesso ou fracasso do negócio da empresa. Nesse contexto, a presente pesquisa teve como objetivo analisar qual a influência do gestor de projetos de pequenas e grandes empresas de Santa Maria/RS no sucesso do seu negócio. Tendo em vista os processos metodológicos, a pesquisa classifica-se como quantitativa e descritiva quanto aos seus objetivos, sendo realizada através de um estudo de campo, com base em uma amostra por acessibilidade e pequenas e grandes empresas da cidade de Santa Maria. Como principais resultados evidenciou-se que os gestores das empresas pesquisadas estão em nível de desenvolvimento intermediário no que diz respeito aos pilares para o sucesso dos projetos proposto por Newton (2011), fator que não influencia, de maneira significativa, o sucesso dos projetos gerenciados por eles.

DOI:10.5585/gep.v4i1.73


Palavras-chave


Gestão de Projetos; Gestor; Sucesso; Estilos.

Texto completo:

PDF

Referências


Alencar, L. M.; Almeida, A. T.; Mota, C. M. de M. Sistemática proposta para seleção de fornecedores em gestão de projetos. Gestão Produção. São Carlos, v. 14, n. 3, p. 477-487, set/dez. 2007.

Andrade, M. M. de. Introdução à metodologia do trabalho científico: Elaboração de trabalhos na graduação. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2003.

______. Introdução à metodologia do trabalho científico: Elaboração de trabalhos na graduação 9. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

Bacha, M. de L. Introdução à pesquisa de marketing. São Paulo: CenaUn, 1998.

Bsgal, D. O. et al. Sob a Perspectiva do Diamond Framework. Revista Mundo Project Management. [S.l.], n. 25, p. 37-43, fev/mar. 2009.

Bristol, P.; Yeatts, G.; Carneiro, M. F. S. Fale a linguagem da liderança. Revista Mundo Project Management. [S.l.], n. 35, p. 62-69, out/nov. 2010.

Cervo, A. L.; Bervian, P. A. Metodologia científica. São Paulo: Person Prentice Hall, 2002.

Consalter, M. A. S. Elaboração de projetos: Da introdução a conclusão. 6. ed. Curitiba: Ibpex, 2007.

Churchill Jr., G. A.; Peter, J. P. Marketing criando valor para os clientes. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2000.

Demo, P. Metodologia do conhecimento científico. São Paulo: Atlas, 2000.

Entschev, B. A evolução da carreira em gerenciamento de projetos. Revista Mundo Project Management. [S.l.], n. 29, p. 52-53, out/nov. 2009.

Fachin, O. Fundamentos de Metodologia. 4. ed. São Paulo: Saraiva, 2003.

Ferreira, C. H. Metodologia de Investigação: Guia para auto-aprendizagem. s.n. Lisboa: Universidade Aberta, 1998.

Flick, U. Introdução à Pesquisa Qualitativa. 3. ed. Porto Alegre, 2009.

Heldman, K. Soft Skill em Gerenciamento de Projetos. Revista Mundo Project Management. [S.l.], n. 26, p. 77-80, abril/maio. 2009.

Jucá junior, A. S.; Conforto, E. C.; AMmaral, D. C. Maturidade em gestão de projetos em pequenas empresas desenvolvedoras de software do Polo de Alta Tecnologia de São Carlos. Gestão Produção. São Carlos, v. 17, n. 1, p. 181-194, 2010.

Jung, C. F. Metodologia Para Pesquisa & Desenvolvimento: Aplicada a Novas Tecnologias, Produtos e Processos. Rio de Janeiro: Axcel Books, 2004.

Kelling, R. Gestão de Projetos: Uma abordagem global. São Paulo: Saraiva, 2002.

Kerzner, H. Gestão de Projetos: As melhores práticas. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2006.

Malhotra, N. K. et al. Introdução à pesquisa de marketing. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2005.

Marconi, M.A.; Lakatos, Eva Maria. Fundamentos de metodologia científica. 5. ed. São Paulo, SP, 2003.

Neto, C. F. R.; Jamil, G. L.; Vasconcelos, M. C. R. L. de. Influências Culturais na Adoção da Gestão de Projetos: Um estudo qualitativo em empresas de consultoria e desenvolvimento em TI. Revista de Gestão de Tecnologia e Sistema de Informação; Journal of Information Systems and Technology. v.6, n.2, p.143-172, 2009.

Newton, R. O Gestor de Projetos. 2. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2011.

Oliveira, G. B. de. MS Project & Gestão de Projetos. São Paulo: Person Makron Books, 2005.

Oliveira, M. A. de. Inteligência emocional para gerentes de projetos. Revista Mundo Project Management. [S.l.], n. 35, p. 51-55, out/nov. 2010.

Oliveira, S. L. Tratado de Metodologia Científica. 2. ed. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2004.

PMBOK. Um guia do conjunto de conhecimentos em gerenciamento de projetos. 4. ed. Pensilvânia: Project Management Institute, 2008.

Rabechini JR., R.; CAarvalho, M. M. de. Gerenciamento de Projetos na Prática. São Paulo: Altas, 2009.

Russo, R. de F. S. M.; Ruiz, J. M.; Cunha, R. P. da. Liderança e influência nas fases da gestão de projetos. Revista Produção. [S.l.], v. 15, n. 3, p. 362-375, set/dez. 2005.

Severino, A. J. Metodologia do Trabalho Científico. 23. ed. São Paulo: Cortez, 2007.

Silva, E. L. Metodologia de pesquisa e elaboração de dissertação. 3. ed. Florianópolis: Laboratório de Ensino a Distância da UFSC, 2001.

Vergara, S. C. Projetos e relatórios de pesquisa em administração. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2004.

Verzuh, E. MBA compacto, gestão de projetos. Rio de Janeiro: Campus, 2000.

Vieira, D. R.; Loufrani, S. A Gestão da Profissão do Chefe de Projeto: Case IBM. Revista Mundo Project Management. [S.l.], n. 23, p. 34-39, out/nov. 2008.

Woiler, S.; Mathias, W. F. Projetos: planejamento, elaboração, análise. 2 ed. São Paulo: Atlas, 2008.

Yin, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. Porto Alegre: Bookman, 2003.




DOI: http://dx.doi.org/10.5585/10.5585

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista de Gestão e Projetos e-ISSN: 2236-0972
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional